À ESPERA DOS QUE VOLTARÃO Reviewed by Momizat on . À ESPERA DOS QUE VOLTARÃO 20/04/2007 Mahmud Darwish Meu povo plantou suas tendas na areia E estou acordado com achuva Sou filho de Ulisses aquele que esperou o À ESPERA DOS QUE VOLTARÃO 20/04/2007 Mahmud Darwish Meu povo plantou suas tendas na areia E estou acordado com achuva Sou filho de Ulisses aquele que esperou o Rating: 0

À ESPERA DOS QUE VOLTARÃO

À ESPERA DOS QUE VOLTARÃO

20/04/2007


Mahmud Darwish

Meu povo plantou suas tendas na areia
E estou acordado com achuva
Sou filho de Ulisses aquele que esperou o correio do
Norte
Um marinheiro me chamou, mas eu não parti
Atraquei o barco e subi ao cume de uma montanha

– Ó rocha sobre a qual meu pai orou
Para que fosse abrigo do rebelde
Eu não te venderia por diamantes
Eu não partirei
Eu não partirei
As vozes dos meus fendem o vento, sitiam as cidadelas
– Ó mãe, espera-nos no umbral
Nós voltaremos
Este tempo já não é como eles imaginam
O vento sopra segundo a vontade do navegante
E a corrente é vencida pela embarcação
Que cozinhaste para nós? Voltaremos
Roubaram as jarras de azeite Ó mãe e os sacos de
farinha

Traz as ervas dos pastos, traz
Temos fome
Os passos dos meus ressoam como o suspiro das rochas
Debaixo de uma mão férrea
E estou acordado com a chuva
Em vão perscruto o horizonte
Permanecerei na rocha… debaixo da rocha…
inquebrantável

Deixe um comentário

Você deve ser logged em para postar um comentário.

Voltar para o topo