“1 shot, 2 kills”: Sionistas incitam assassinato de grávidas palestinas Reviewed by Momizat on . A barbárie sionista não tem limites. O jornal "Ha'aretz" informou neste sábado, dia 21, que cresce entre os soldados israelenses a propaganda anti-semita, racis A barbárie sionista não tem limites. O jornal "Ha'aretz" informou neste sábado, dia 21, que cresce entre os soldados israelenses a propaganda anti-semita, racis Rating: 0

“1 shot, 2 kills”: Sionistas incitam assassinato de grávidas palestinas

A barbárie sionista não tem limites.

O jornal “Ha’aretz” informou neste sábado, dia 21, que cresce entre os soldados israelenses a propaganda anti-semita, racista e genocida contra os palestinos. O descaramento é tamanho que os assassinos tem a coragem de estampar em suas camisas as imagens de “crianças mortas, mães chorando sobre os túmulos de seus filhos e mesquitas destruídas por bombas”. Mas o maior sucesso entre os chacais de Israel é a da estampa que mostra uma palestina grávida no centro de uma mira com a frase: “1 tiro, 2 mortes”.

Deixe um comentário

Você deve ser logged em para postar um comentário.

Voltar para o topo